JEMBI / UEM-MOASIS Apoia a Formação de 252 Técnicos do Sistema Nacional de Saúde em Informática Básica

A JEMBI / UEM-MOASIS Apoia a Formação de 252 Técnicos do Sistema Nacional
de Saúde em Informática Básica

No âmbito do novo Sistema Electrónico de Seguimento de Pacientes (SESP) em tempo real a ser implementado em Moçambique pelo Ministério da Saúde, um instrumento fundamental para a recolha e captação de dados de pacientes portadores do HIV ao nível das unidades sanitárias (US), a Jembi/UEMMoasis apoiou a formação de 252 técnicos do Sistema Nacional de Saúde (SNS) em informática básica.


Técnicos do Centro de Saúde de Romão (Cidade de Maputo) sendo formados em Informática Básica

Maputo, Moçambique – Agosto de 2019 – Nos meses de Abril e Julho do ano corrente, a equipa da Jembi/UEMMoasis apoiou a formação de 252 técnicos do SNS em informática básica em 14 unidades sanitárias onde será implementado o SESP em tempo real. O SESP visa fortalecer os cuidados de saúde, fazer o acompanhamento de pacientes portadores do HIV e melhorar o fluxo de atendimento e a gestão de processos clínicos dos pacientes.
A formação em Informática Básica foi desenhada de forma a reforçar as capacidades dos técnicos da Saúde na utilização de computadores e dispositivos periféricos bem como desenvolver habilidades básicas de informática na óptica do utilizador nos pacotes do Microsoft Office (Word, Excel, PowerPoint), bem como softwares de antivírus e acesso à internet.

Técnicos do Centro de Saúde de Romão após a conclusão da formação em informática básica

 

Nesta fase inicial, as formações decorreram em unidades sanitárias de Maputo Cidade e Maputo Província,
nomeadamente: CS José Macamo, CS Ndlavela, CS Boane,
CS Romão, CS Habel Jafar e CS 1° de Maio, no período
entre 16 e 30 de Abril de 2019; e Hosp. Polana Caniço, CS
Mavalane, CS Matola II, CS Zimpeto, CS Alto Maé, CS Xipamanine, CS 1 de Junho, CS Machava II entre 1 e 26 de
Julho. O curso serão igualmente ministrados em unidades
sanitárias onde o SESP em tempo real será implementado
nas províncias de Gaza, Sofala, Manica, Zambézia e Nampula. Segundo o SIFO, Sistema de Informação para Formação do Ministério da Saúde, a Jembi/UEM-Moasis formou 2.285 funcionários do SNS, em diversas especialidades, desde 2011 até Julho de 2019.

 

 

“O projecto em referência tornou-se possível graças a uma parceria entre Moçambique e o povo
americano através do financiamento do PEPFAR – CDC”.

 

No comments yet.

Leave a Reply